“Eles riam de nós, simplesmente porque nos vestiamos de maneira diferente, eles passavam o tempo a olhar e a rir de nós”, recorda Bill, com um olhar triste ao se lembrar.

Traduzido por Freiheit89

Bullying hoje, se tornou algo bem comum, e isso não é de forma nenhuma algo pelo qual devemos nos orgulhar, e sim pelo contrário. Bill e Tom Kaulitz, sofreram com isso na infância, e até hoje as lembranças não os abandonaram. Agora, diante disso, podem dizer a nós por favor, o que leva à um ser humano julgar o outro pelo simples fato dele ser diferente? Porque eu, sinceramente não entendo. E se fossemos todos iguais, e não houvesse do que reclamar, será que finalmente seriamos deixados em paz? Na minha opinião não. O ser humano sempre acha algo a mais para colocar defeito. Sempre. Me admira muito, pessoas que deveriam se unir por um mundo melhor, ficar julgando seu próprio próximo, tendo a livre consciência de que não dará nenhum resultado, a não ser ferir os sentimentos da outra pessoa. Talvez algumas pessoas não concordem, mas querendo ou não, deveriamos ser contra o preconceito. Bom, mas infelizmente não posso mudar o mundo sozinha. .—. Só espero que quando a humanidade abra os olhos, já não seja tarde demais para recuperar o tempo perdido.

Deixe um comentário