Bill e Tom Kaulitz, da banda Tokio Hotel tiveram uma entrevista aberta com a revista alemã Bunte.

Como sabem por nosso site, os membros do Tokio Hotel, os gêmeos Tom e Bill, vivem nos últimos dois anos em Los Angeles. Em entrevistas anteriores, disseram porquê se mudaram para os EUA, onde ninguém os conhecia, em busca de alguma privacidade e tranquilidade para trabalhar. Agora eles começaram a falar para a revista Bunte qual foram as razões para deixarem a Alemanha. Eles tiveram que, literalmente, fugir dos stalkers, como são chamadas as pessoas obcecadas com certos interesses por pessoas populares.

“Eles investigavam e incomodavam alguém que nunca veio a nossa casa, mesmo que fosse alguém da limpeza ou manutenção”, reclamou Tom.

Tokio Hotel é vida.

Isso foi apenas até Tokio Hotel aceitar a perda de privacidade e assédio ocasional, talvez a coisa todo iria parar. Sua paciência se esgotou quando os stalkers quase causou uma acidente enquanto assistia seus ídolos. Como isso aconteceu?

“Eles forçaram o carro para fora da estrada”, explicou Bill. Não foi apenas sobre a seguração dos membros do Tokio Hotel. Eles estavam no carro com sua família. “Quando essas pessoas chegam perto da sua família, você instintivamente começa agir”, explicam as razões da mudança para Los Angeles.

Fonte.

Texto traduzido por Dessa. Se copiar, dê os devidos créditos ao THBR e à tradutora.

Deixe um comentário